Os 5 Mandamentos da Igreja

OS CINCO MANDAMENTOS DA IGREJA 

Por meio de cinco preceitos, a Igreja quer ajudar os cristãos a viverem em verdade na comunidade (cf. CIC 2041-2043):

1) “Participar da missa inteira nos domingos e outras festas de guarda e abster-se de ocupações de trabalho”.

Festejarás o domingo “como dia do Senhor”, como memorial da morte e da ressurreição de Jesus, como dia de repouso e de partilha comunitária. Participarás da Missa que é o culto divino, central, da Igreja.

2) “Confessar-se ao menos uma vez por ano”.

3) “Receber o sacramento da Eucaristia ao menos pela Páscoa da Ressurreição”.

Confessar-te-ás e comungarás regularmente, e pelo menos uma vez por ano, na Páscoa (“fazer a Páscoa”). No sacramento da Penitência, Jesus oferece o perdão e a graça para uma nova caminhada. Na comunhão, Ele oferece a si mesmo aos seus. Nenhum cristão deve recusar estes dons. Só quem vive em estado de pecado grave é excluído da Comunhão Eucarística.

4) “Jejuar e abster-se de carne, conforme manda a Santa Mãe Igreja”.

Na sexta-feira, farás um sacrifício: no dia em que Jesus morreu, convém unir-se a ele e tomar sensível esta união, renunciando aos pratos de carne refinados ou, então, ajudando seu próximo fraternalmente.

5) “Ajudar a Igreja em suas necessidades”.

Comprometer-te-ás com vigor pela Igreja universal, por tua diocese e por tua paróquia: não só evitando criticar, mas ajudar com generosidade onde for necessário. Mas também: deixar-se ajudar quando for preciso.

Desenvolvido por Origy Networks – Criação de sites e propaganda