Qual o melhor presente para o Natal?

“Sem amor, não tenho Deus no meu coração e não posso doá-lo aos outros. Nem sequer O conheço” (Van Thuan)

Quem deflagra o amor dentro de nós somos nós mesmos. Portanto, o amor é, antes de tudo, uma decisão. Decida-se pelo amor. Hoje é a vontade de Deus que você escute: “Não tenha medo de amar!”, principalmente neste Natal. Muitas pessoas não ousam amar, porque já sofreram muito na família, no casamento, foram atingidas por doenças, negócios mal-sucedidos, filhos, decepções amorosas…Talvez você já tenha sofrido muito e, é claro, não quer sofrer novamente. Na verdade, deixou de amar para não sofrer. Independentemente dos acontecimentos, é no amor-doação que existe salvação para você. É no amor-doação que as pessoas com quem você se relaciona serão salvas. Apesar das decepções e dos problemas familiares, ame. Decida-se pelo amor. E diga aos decepcionados com tudo e com a própria família que não deixem de amar.

Não são apenas os jovens, mas também os casados e amadurecidos que precisam amar. Quem sabe uma pessoa de idade que conservou uma decepção, uma revolta curtida no coração pelas coisas vividas com o pai alcoólatra, cuja irresponsabilidades o fez gastar dinheiro com jogos, ou pior: arrumar outra família. Os problemas existem e desagradam o coração, mas não é por isso que você não vai amar. Deus lhe dá a capacidade de amar. Você pode se decidir pelo amor e, a partir dessa decisão, tudo muda em sua vida. O mundo é de quem ama! Ame seu familiar e o próximo, apesar de todas as brigas que houve entre vocês. Pelas decepções e revoltas causadas por um irmão ou uma irmã que foi injusto (a) com você, que o desprezou, lesou, ofendeu, causando-lhe prejuízo econômico e prejuízo à sua honra, que falou mal de você, embora fosse seu irmão. Pelas decepções por causa de herança e terra.

Neste Natal dê o melhor o presente: o amor. De que adianta ter tudo, ganhar presentes, ter uma ceia linda de Natal, mas faltar amor e ter a casa vazia por causa das decepções e ressentimentos? Por isso dê o melhor presente: Dê o presente do amor. Você pode demonstrar gestos de carinho com atitudes concretas e presentear a quem você ama, mas não se esqueça de que o melhor presente é você se fazer um com o outro no amor.

(Trecho extraído do livro: “A luta pessoal para resolver os problemas da vida íntima” de monsenhor Jonas Abib).

Nenhum comentário ainda

Comentários desativados

Desenvolvido por Origy Networks – Criação de sites e propaganda